Últimas Notícias
Atendimento veterinário gratuito para cães e gatos em São Gonçalo


Atendimento veterinário gratuito para cães e gatos em São Gonçalo

Cavem realiza castrações, vacinação e consultas de baixa complexidade     

O Centro de Atendimento Veterinário Municipal (Cavem), no Mutuá, realiza a castração e oferece consultas de baixa complexidade para cães e gatos dos gonçalenses. Nos últimos três meses, 612 cirurgias e 640 consultas foram realizadas. A unidade também aplica a vacina antirrábica. As castrações são feitas com agendamento. Consultas e vacinação são por distribuição de senha e ordem de chegada, respectivamente. Todos os serviços são gratuitos.

O agendamento das castrações acontece duas vezes ao mês através do aplicativo Colab (https://onelink.to/colabapp) em datas divulgadas através do site e redes sociais da Prefeitura de São Gonçalo. O último agendamento foi aberto no dia 22 para o comparecimento ao Cavem para a apresentação dos documentos nos dias 29 de maio e 5 de junho. 

“Pensando em dar acesso a todos os públicos, o Cavem atende pessoalmente, às quartas-feiras, os gonçalenses que não têm internet ou dificuldade para baixar e usar o aplicativo. No local, são realizadas 15 marcações. Mas, dependendo das faltas através do Colab, marcamos mais cirurgias pessoalmente”, explicou a veterinária Francia Rosana Félix, coordenadora do local.

O atendimento ambulatorial acontece de segunda a sexta, das 8h às 16h, para os casos de baixa complexidade: curativos, aplicação de medicamentos e avaliação. São 14 senhas por dia – sete na parte da manhã, a partir das 8h; e outras sete na parte da tarde, a partir das 13h. Dependendo de cada caso, o animal pode sair do local com a prescrição dos veterinários ou ser encaminhado para internação em alguma clínica. 

“As consultas são organizadas diariamente, por ordem de chegada, priorizando a urgência dos casos. Não temos internação, exames de raio-x, sangue e ultra e não atendemos casos de média e alta complexidades como fraturas, por exemplo. Fazemos atendimentos simples para os animais com diarreia, febre, vomitando ou que estejam sem comer por algum motivo, além da aplicação de medicamentos e curativos”, contou Francia.    

Para a vacinação antirrábica, basta levar os cães e gatos à unidade, preferencialmente na parte da tarde. Animais doentes, com febre, diarreia ou outras enfermidades não podem ser vacinados, assim como as fêmeas gestantes ou amamentando filhotes. Os animais muito magros, debilitados, fracos, com secreção e que visivelmente apresentem estado mórbido também não são vacinados.  

O Cavem funciona de segunda a sexta, das 8h às 16h30, e fica na Avenida Paula Lemos, 307, em frente ao Colégio Santa Mônica. 

Castração – A cirurgia é feita em gatos e cães – machos e fêmeas. Para o pedido da cirurgia, é pré-requisito obrigatório ser morador da cidade, ter mais de 18 anos, apresentar CPF, identidade e comprovante de residência. Cada morador tem direito a cadastrar um animal por CPF por mês. Para os cães, o peso mínimo é de 5 quilos e o máximo é de 25 quilos. Não é realizada a cirurgia em animais braquicefálicos e de raças pequenas como pinscher, yorkshire e chihuahua. 

O serviço pode beneficiar mais gonçalenses, mas está sendo subaproveitado devido às constantes faltas dos usuários – tanto daqueles que agendam através do aplicativo Colab e não aparecem para apresentar a documentação quanto daqueles que levam a documentação, agendam e não comparecem no dia da cirurgia – uma média de 50%. 

Vale lembrar que os agendamentos podem ser desmarcados no próprio aplicativo, dando oportunidade para que outra pessoa marque para levar a documentação ao Cavem. O gonçalense tem que ter em mente que tem que ter dois dias disponíveis: o primeiro para levar a documentação e o segundo para a realização da cirurgia. 

O tutor também deve indicar no pré-agendamento se não for ele que levará a documentação e o animal e inserir o nome da pessoa que vai representá-lo. No dia da apresentação dos documentos, os responsáveis assinam o termo de ciência pré-operatório, que tem todas as orientações de como proceder no dia da cirurgia. 

Protetores – Os protetores de animais podem cadastrar dois animais por mês. Para isso, eles devem procurar a Vigilância Sanitária, que fica na sede da Secretaria de Saúde, no Boa Vista, para preencher uma ficha de cadastro e, só depois, seguirem para o Cavem, às quarta-feiras, para a marcação das cirurgias. Os protetores não precisam fazer o pré-agendamento pelo Colab.     

    





Link Original