Últimas Notícias
Clarinetista colombiano Magliony Márquez promove recital para alunos do Programa Aprendiz Musical – Prefeitura Municipal de Niterói


Nesta sexta-feira (21), o Aprendiz Musical – um dos maiores programas de desenvolvimento social, por meio da arte, ativos no país – recebeu, no Conservatório de Música de Niterói, o professor colombiano de clarinete, Magliony Márquez, da Universidade de Cauca, Colômbia.

O encontro foi marcado por um recital, seguido de uma aula/palestra, para os alunos de sopros do Aprendiz – iniciativa mantida pela Prefeitura de Niterói, por meio da Secretaria de Ações Estratégicas e Economia Criativa, em parceria com a Secretaria de Educação. Magliony é mestre em música, com aprofundamento na técnica e interpretação do clarinete Piccolo em Eb.

O professor colombiano afirmou estar muito feliz em poder compartilhar suas experiências com a turma.

“Pude perceber o quanto este programa é fantástico, por meio do sorriso, do rosto dos estudantes, do clima alegre, descontraído e da recepção que eu tive. Como professor universitário, tenho contato com alunos diariamente. E esta oportunidade de poder estar aqui, transmitindo meu conhecimento, foi algo muito valioso e estou muito feliz com isso”.

No repertório, algumas composições importantes, como a série de homenagens do clarinetista húngaro, Belá Kovács, além de arranjos do alemão Johann Sebastian Bach e do compositor espanhol Manuel de Falla. Os alunos puderam contemplar, ainda, diversas peças colombianas, baseadas no folclore e na tradição do país, com destaque para os estudos de Mauricio Murcia, com seus diferentes estilos.

Maurício Silva, coordenador do eixo de sopros e percussão do Aprendiz Musical, destacou a importância deste evento.

“Uma grande oportunidade para os alunos terem contato com uma cultura diferente e perceberem o grande potencial que eles possuem para se desenvolverem em áreas que não têm acesso. Magliony toca a clarineta piccolo. Não é muito comum vermos pessoas que se dedicam a isso. Ele tem um trabalho muito bonito de valorização deste equipamento. Pegou, então, um recital inteiro só com obras para este tipo de instrumento. Foi uma oportunidade única para estes alunos terem contato com um artista desse nível”.

Na aula, Márquez ensinou técnicas para instrumento de sopros e assistiu à demonstração dos estudantes, orientando-os com algumas dicas especiais. Os irmãos gêmeos Krystian Silva e Kaleb Silva fazem parte da turma de sopros do Aprendiz Musical e se encantaram com o evento.

“Achei incrível! É um cara com muita experiência. Para mim foi uma honra vê-lo tocando. Nunca vi uma apresentação de alguém de fora do país. Entendi melhor sobre o mecanismo do sopro”, diz Krystian. “Aprendi muito com este evento, com a dinâmica, com os mecanismos que ele nos ensinou. Foi uma motivação, uma inspiração, já que o instrumento que realmente me interessa é o clarinete”, completa Kaleb.

Sobre Magliony Márquez

Nascido em Guadalajara de Buga-Valle del Cauca, Colômbia, iniciou seus estudos musicais na Banda Filarmônica do Colégio Acadêmico aos 11 anos sob a orientação do Sr. Luis Fernando Rivera. Formou-se no Instituto Departamental de Belas Artes de Cali, sob a orientação do professor Andrés Ramírez Villarraga, com quem mais tarde continuaria seus estudos de pós-graduação na Universidade de Cauca, obtendo o título de Mestre em Música e aprofundando-se na técnica e interpretação do Clarinete Piccolo em Eb.

Em sua carreira musical, atuou como primeiro clarinete com a obrigatoriedade de Piccolo Clarinet in Eb dentro da Banda Departamental Valle del Cauca, na qual ingressou por 14 anos, também como primeiro clarinete da Orquestra León J. Simar durante sua existência e como músico convidado da Orquestra Sinfônica da Guatemala.

Participou como solista em diversos grupos e foi jurado em variados concursos. Possui como principal objetivo a promoção do Clarinete Piccolo em Eb como instrumento solista tantona Colômbia como na América Latina, buscando cumpri-lo a partir de sua atividade docente na Universidade de Cauca na cadeira de clarinete.

Fotos: Thiago Côrtes