Últimas Notícias
Dez anos de Serviço de Atendimento Domiciliar em São Gonçalo


Dez anos de Serviço de Atendimento Domiciliar em São Gonçalo

Equipes do SAD prestam importante serviço de saúde à população

Um serviço em que o pilar é a humanização. Assim pode ser definido o Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD) da Secretaria de Saúde e Defesa Civil da Prefeitura de São Gonçalo, que completa 10 anos de atuação eficiente e de referência na cidade. O prefeito de São Gonçalo, Capitão Nelson, participou de um café da manhã de celebração aos 10 anos do serviço, na manhã desta sexta-feira (23), na sede da unidade, que fica no Centro.

“Completar 10 anos do SAD no município é digno de comemoração, pois é um serviço muito importante desenvolvido com os gonçalenses. Os profissionais são verdadeiros guerreiros, pois vivenciam diariamente todas as adversidades nessa assistência domiciliar, um serviço que vai muito além de um acompanhamento médico. Nossa gestão vai continuar trabalhando muito para oferecer sempre um atendimento de qualidade ao gonçalense”, disse o prefeito Capitão Nelson.

Com uma proposta de humanização, garantindo a desospitalização e a redução da permanência do indivíduo internado, o SAD – um programa do Governo Federal – tem como público-alvo pessoas acamadas ou com dificuldade de locomoção; pessoas com patologias agudas, crônicas ou degenerativas, aqueles que necessitam de cuidados paliativos e com úlceras por pressão. O SAD proporciona ao paciente um cuidado ligado diretamente aos aspectos referentes à estrutura familiar e à infraestrutura do domicílio.

“A intenção do SAD é desospitalizar o paciente através de um acompanhamento transitório. As equipes tem um prazo estimado de até 90 dias para manter o paciente estável dentro da sua patologia ou reabilitá-lo, fazendo com que a pessoa que esteja recebendo esse atendimento possa retomar com sua rotina normalmente. Esse trabalho é feito em conjunto com as redes de assistência em saúde para uma maior eficiência do serviço”, destacou a coordenadora do SAD, Monique Correa.

As equipes do SAD são formadas por multiprofissionais, compostas por médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos de enfermagem, assistentes sociais, fonoaudiólogos, nutricionistas e psicólogos. De janeiro a maio deste ano foram realizados mais de 2.800 atendimentos pelo serviço.

O acesso ao SAD é geralmente feito no hospital em que o paciente estiver internado ou ainda por solicitação da equipe de Saúde da Família/Atenção Básica ou da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

A sede do Serviço de Atendimento Familiar (SAD) fica na Avenida Presidente Kennedy, 207, no Centro, com funcionamento de segunda a sexta, de 7h às 18h. Telefone para contato: (21) 97100-8464.





Link Original