Últimas Notícias
Prefeitura de Niterói apresenta projetos na 27ª Cúpula do Mercocidades – Prefeitura Municipal de Niterói


A Prefeitura de Niterói, por meio da Coordenadoria de Políticas e Direitos das Mulheres (Codim) e do Escritório de Gestão de Projetos (EGP), participa de um dos eventos mais relevantes para os governos da América do Sul: a 27ª Cúpula do Mercocidades, em Montevidéu, no Uruguai. Entre os projetos de sucesso apresentados no evento, cujo tema é “Cidades amigas, cidades mais verdes”, está o Mulher Líder, que participou da 16ª Capacitação Regional de Mercocidades, em agosto. Criado em outubro do ano passado, o Mulher Líder é um programa de formação com base em tecnologia, inovação e liderança para potencializar o empreendedorismo. O projeto prevê que sobreviventes de violência de gênero ou em situação de vulnerabilidade social tenham um percentual de vagas para busca de oportunidades de geração de renda.

Parte do grupo de trabalho Gênero e Município, a secretária de Políticas e Direitos das Mulheres de Niterói, Fernanda Sixel, vai apresentar o Projeto Mulher Líder, o Programa Auxílio Social e o Programa Dignidade Menstrual.

“A participação na Cúpula possibilita o estreitamento com as demais cidades, compartilhando das experiências da gestão pública, em especial na pauta de gênero. É um encontro muito enriquecedor, porque além de apresentarmos nossos projetos para as demais cidades, podemos também replicar e avançar desenvolvendo por meio da Codim ações já validadas como boas práticas em nossa cidade”, destaca Fernanda Sixel, secretária de Políticas e Direitos das Mulheres.

Ao longo do encontro, que vai até quinta-feira (01), grupos de trabalho de temáticas variadas debatem sobre a atuação dos governos locais em temas como desenvolvimento sustentável e participativo, economia social e solidária, gênero, direitos humanos e migração, entre outras áreas, tendo como base a perspectiva do direito à cidade – o meio urbano e o meio ambiente.

A secretária do Escritório de Gestão de Projetos (EGP), Katherine Azevedo, destaca que, ao longo de 2022, Niterói contribuiu para os diálogos temáticos da Rede Mercocidades por meio de oportunidades oferecidas pela Rede, como cursos e treinamentos.

“Em agosto, a Codim foi selecionada, através do Programa Mulher Líder, para uma capacitação em formulação de projetos. Já em outubro, a Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade foi representada na Escola de Resiliência do Mercocidades, cujo tema foi recursos hídricos. A interação com outras cidades latino-americanas produz resultados positivos, pois possuímos similitudes nos desafios que enfrentamos e recursos que dispomos para lidar com eles. Como membros da Rede, é importante para nós incentivar a participação de Niterói nessas atividades, pois assim contribuímos para os diálogos temáticos que serão refletidos em momentos como esta Cúpula”, pontua.

As iniciativas que Niterói desenvolve estão diretamente alinhadas aos conceitos chave da 27ª Cúpula do Mercocidades: cidade de cuidados, tornando central a população mais vulnerável; cidade inovadora, colocando a tecnologia e soluções inovadoras a serviço da cidadania e da vida cotidiana e cidade ambientalmente sustentável, promovendo uma consciência cidadã voltada a padrões de consumo, mobilidade, e solução de problemas mais sustentáveis. A Moeda Araribóia e o Programa Renda Básica Temporária (RBT), por exemplo, são projetos que se inserem nos diálogos sobre Economia Social e Solidária. Além disso, há também o Programa Prefeito Amigo da Criança, que está em fase de preparação do Mapa do Orçamento da Criança e do Adolescente 2022, ligada às discussões sobre proteção às crianças e adolescentes.

O Conselho Executivo do Mercocidades, que Niterói integra desde o ano passado, se reunirá durante a cúpula para se preparar para a Assembleia do Mercocidades, que proporá a Declaração de Montevidéu, um reflexo das principais demandas e compromissos dos governos locais.