Últimas Notícias


São Gonçalo adota novo protocolo de testagem para covid-19 

Centro de Triagem ao coronavírus continua funcionando aos sábados, das 8h às 17h     

O novo protocolo de testagem para covid-19 em São Gonçalo indica a realização dos exames apenas em pacientes sintomáticos para evitar a sobrecarga na rede de saúde. As novas medidas seguem as determinações da Secretaria de Estado de Saúde e do Ministério da Saúde, órgãos que disponibilizam os testes para a Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo. Além disso, aos sábados, os testes serão feitos apenas no Centro de Triagem ao Coronavírus, no Zé Garoto, devido a baixa procura nos demais pontos.

Para a realização do teste rápido (TR-AG), aquele que o resultado sai em 20 minutos, os moradores têm que estar com os seguintes sintomas de síndrome gripal: febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou gustativos. Ele também poderá ser aplicado em casos de surtos em creches, abrigos, instituições de longa permanência para idosos (Ilpis) e sistema prisional (ocorrência de dois ou mais casos confirmados nos últimos 14 dias). 

 Já o RT-qPCR, que leva em média sete dias para ter o resultado, será realizado nas pessoas com síndrome respiratória aguda grave com os seguintes sintomas: dispnéia ou desconforto respiratório, pressão ou dor persistentes no tórax, baixa quantidade de oxigênio no sangue em ar ambiente e coloração azulada dos lábios ou rosto. Pacientes hospitalizados também podem realizar este tipo de exame.

Os moradores que tiveram contato com pessoas que positivaram para covid-19, entre 48h e 10 dias – só devem ser testados na presença dos sintomas gripais. Todas as unidades que realizam os testes ficam fechadas aos domingos. Neste dia, a orientação é que, caso haja necessidade do paciente ser avaliado para realização do exame específico para Covid-19, o mesmo procure qualquer unidade de urgência e emergência para uma avaliação clínica.

Durante a semana, de segunda a sexta, além do Centro de Triagem, outros nove locais realizam o teste para detectar o coronavírus. Para a realização do exame, o gonçalense deve chegar meia hora antes do fim do horário previsto da testagem. 

A Secretaria de Saúde orienta que o gonçalense deve manter os hábitos de lavar as mãos ou higienizar com álcool em gel, além de manter o esquema vacinal em dia. O uso de máscaras voltou a ser obrigatório nas unidades públicas de saúde. O uso dela também é recomendado para locais e públicos específicos como pessoas com sintomas gripais, casos suspeitos ou confirmados de covid-19 e pessoas que tenham tido contato próximo com caso suspeito/confirmado de covid-19 em qualquer local. 

Para as pessoas com fatores de riscos para complicações do coronavírus, em especial imunossuprimidos, idosos, gestantes e pessoas com múltiplas comorbidades, a recomendação do uso de máscaras é em locais fechados e mal ventilados, locais com aglomeração de pessoas ou na ocorrência de surto de covid-19 em determinado local ou instituição – situações de maior risco de contaminação pela covid-19.

O uso de máscaras faciais também é recomendado para todos os indivíduos que estejam em local com ocorrência de surto de covid-19, devido ao potencial risco de transmissão por pessoas assintomáticas.

Vacina – Toda a população com mais de cinco anos pode ser vacinada contra o coronavírus. A quarta dose da vacina está disponível para todos os gonçalenses com mais de 18 anos que tenham mais de quatro meses de intervalo da terceira dose.  

A quinta dose está disponível para os imunossuprimidos com mais de 18 anos, incluindo gestantes e puérperas. E a quarta dose para os adolescentes entre 12 e 17 anos imunossuprimidos – também incluindo gestantes e puérperas. As doses de reforço podem ser aplicadas após intervalo de quatro meses da dose anterior. 

Locais e horários disponíveis:

  1. Centro de Triagem ao Coronavírus, no Zé Garoto: de segunda-feira a sábado, das 8h às 17h;
  2. Clínica Municipal Gonçalense Barro Vermelho: de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 16h;
  3. Clínica Municipal Gonçalense do Mutondo: de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 19h (apenas para gestantes);
  4. Polo Sanitário Jorge Teixeira de Lima, no Jardim Catarina: de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 12h; 
  5. Polo Sanitário Paulo Marques Rangel, no Porto do Rosa: de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 12h;
  6. Polo Sanitário Dr. Augusto Sena, Rio do Ouro: terças, quartas e sextas, das 13h às 16h;
  7. Clínica da Criança (0 a 12 anos), de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 16h;
  8. Maternidade Municipal Dr. Mário Niajar: apenas para as gestantes e parturientes sintomáticas;
  9. PAM Coelho: de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 16h;
  10. PAM Alcântara: segunda, terça, quinta e sexta, das 8h às 16h.



Link Original