Últimas Notícias
São Gonçalo segue combate ao Aedes aegypti


São Gonçalo segue combate ao Aedes aegypti

Vigilância Ambiental define ações de acordo com casos notificados

A Secretaria de Saúde e Defesa Civil da Prefeitura de São Gonçalo continua com a pulverização de inseticida para o controle do mosquito Aedes aegypti – transmissor da dengue, zika e chikungunya; e de sanitização contra a proliferação do coronavírus nesta semana. Para otimizar os serviços, os locais estão sendo definidos pelo Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental, diariamente, com base nos casos notificados pelo setor de Vigilância Epidemiológica, que aponta os locais com maiores notificações das doenças. 

São Gonçalo está com médio risco de contaminação da dengue, segundo o último Levantamento Rápido de Índice para o Aedes aegypti (Liraa). A população deve ficar atenta aos cuidados com acúmulo de água parada. Para ajudar no combate à proliferação do mosquito Aedes aegypti, os moradores devem evitar qualquer acúmulo de água, por menor que seja, fazendo a revisão nos quintais, calhas e depósitos de água em geral que estejam sem vedação. 

Para combater o coronavírus, a população deve tomar as doses das vacinas disponíveis para os gonçalenses com mais de seis meses e higienizar – sempre que possível – as mãos com água e sabão ou álcool em gel. Este hábito evita muitas outras doenças, principalmente as respiratórias. 

A Vigilância Ambiental mantém um trabalho de pronto-atendimento. Qualquer cidadão pode ligar para o setor e pedir uma visita nos casos de infestação de qualquer vetor. Os pedidos são atendidos, em média, em uma semana. Nesses casos, os agentes averiguam a denúncia e realizam a ação necessária para acabar com os vetores. As denúncias podem ser feitas pelo telefone da Vigilância Ambiental (21) 3195-5198, ramal 1008 ou da Coordenação de Vetores (21) 2604-6446.     





Link Original