Últimas Notícias
Rua do Rio se colore para torcer pelo Brasil nesta segunda-feira

A tradição de colorir o asfalto da Rua Pereira Nunes a cada quatro anos retornou mais cedo em 2023 para torcer pela seleção brasileira de futebol feminino na Copa do Mundo. Com a estreia das jogadoras brasileiras nesta segunda-feira (23), contra o Panamá, a rua de Vila Isabel, na zona norte do Rio de Janeiro, espera ser um ponto de encontro para a torcida verde e amarela.

A tradição da Copa do Mundo na Pereira Nunes teve início em 1982, e, desde então, o evento nunca mais passou em branco. O mundial de futebol feminino, porém, era ignorado, e isso começou a mudar quando a Associação de Moradores de Vila Isabel, com apoio da bandeira de cartão de crédito Visa, chamou a artista Andressa Gandra para celebrar a visibilidade que o futebol feminino vem alcançando.

Rio de Janeiro (RJ), 23/07/2023 - Trechos da Rua Pereira Nunes, em Vila Isabel, pintados para a Copa do Mundo de futebol feminino. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Rio de Janeiro (RJ), 23/07/2023 – Trechos da Rua Pereira Nunes, em Vila Isabel, pintados para a Copa do Mundo de futebol feminino. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil – Fernando Frazão/Agência Brasil

“Eu já tinha pintado um grafite em Marechal Hermes [bairro da zona norte do Rio], para a Copa do Mundo masculina, no ano passado”, disse Andressa, que comemora seu primeiro trabalho para homenagear o futebol feminino. “É uma coisa que eu jamais imaginaria que seria possível, e fico muito orgulhosa. Chamei minha irmã para fazer parte disso, para que a gente possa perpetuar para as próximas gerações a importância de valorizar o futebol feminino”. acrescentou.

A pintura de 150 metros na Rua Pereira Nunes foi feita em um dia, das 8h da manhã às 16h30. Além da irmã, de 15 anos, Andressa contou com a ajuda de seu colega de trabalho e de um morador. “Teve morador que se engajou e quis pintar com a gente, se engajou na hora de guardar os materiais, na alimentação também, a gente tomou um café da manhã no dia. Outra pessoa deu suporte providenciando água, um lugar para a gente ir ao banheiro”, afirmou.

Além da Rua Pereira Nunes, Andressa também pintou a Rua Clara Nunes, em Madureira, onde fica a quadra da escola de samba Portela. “Os desenhos que eu pintei em Madureira e Vila Isabel foram para representar o futebol feminino, com símbolos que representam o futebol, como a chuteira e a bola, e as flores e lírio dos ventos, que trazem a sensação de estar em constante movimento, a leveza e a delicadeza do sagrado feminino. A natureza representa o feminino também”, ressaltou.

Rio de Janeiro (RJ), 23/07/2023 - Trechos da Rua Pereira Nunes, em Vila Isabel, pintados para a Copa do Mundo de futebol feminino. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Rio de Janeiro (RJ), 23/07/2023 – Trechos da Rua Pereira Nunes, em Vila Isabel, pintados para a Copa do Mundo de futebol feminino. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil – Fernando Frazão/Agência Brasil

Apesar da tradição boêmia do bairro de Vila Isabel, terra da escola de samba homônima e do sambista Martinho da Vila, a comemoração para assistir ao primeiro jogo do Brasil será um café da manhã, já que a partida de começa às 8h. A Associação de Moradores de Vila Isabel, localizada nos arredores da Rua Pereira Nunes, transmitirá o jogo em sua sede, no Boulevard 28 de Setembro, 174.

O diretor da associação, Celso Mendes, conta que a ideia é reunir até 100 mulheres para assistir ao jogo, e promover debates sobre participação feminina no futebol e equidade de gênero.

“Quando a gente fala de seleção brasileira, a gente leva muito a sério. Quando vimos a possibilidade de fazer alguma coisa para o futebol feminino e conseguir homenagear as mulheres, a gente correu atrás. Hoje, independentemente de ser masculino ou feminino, para gente é importante. Se está vestindo a camisa da seleção, é Brasil e a gente vai fazer o melhor trabalho possível”, disse.

, Vinícius Lisboa – repórter da Agência Brasil

Fonte: Agencia Brasil